Notícias

Benefícios da fisioterapia Preventiva e Corretiva para os funcionários

25/05/2016

Benefícios da fisioterapia Preventiva e Corretiva para os funcionários:

Os benefícios da fisioterapia para os funcionários são inúmeros, tais como a minimização e/ou prevenção de distúrbios ocupacionais; a melhora e/ou a correção de vícios posturais; a prevenção da fadiga muscular e do estresse; a promoção da integração dos funcionários e a plena satisfação no trabalho; a melhora da condição física geral; a diminuição dos níveis de irritabilidade, e considerável melhora na qualidade de vida do trabalhador.

 

Benefícios da Fisioterapia Preventiva para a empresa

Atualmente, o Brasil, assim como outros países industrializados, vem buscando novas tecnologias que favoreçam os aprimoramentos dos processos produtivos, encarando uma tecnologia cada vez mais globalizada. Dentro desse processo, as empresas que procuram desenvolver ações pioneiras mostram-se melhor preparadas para enfrentar a guerra da competitividade. Neste contexto, a preocupação com a saúde dos trabalhadores, considerados como parceiros internos da empresa, já é uma realidade de muitos setores produtivos que comprovam ser possível oferecerem qualidade de vida a seus funcionários ao mesmo tempo em que são gerados benefícios reais para a empresa. Procuramos esclarecer que os diversos distúrbios Osteomusculares ocupacionais são hoje combatidos por muitas empresas que acreditaram que as ações preventivas são viáveis e indispensáveis para a minimização desses problemas.

1) Redução dos custos: A redução de custos é apenas uma das possibilidades de benefício da implantação do programa fisioterapêutico de prevenção. Quando a empresa investe nessa área, ela está implantando uma nova filosofia de trabalho, demonstrando uma maior valorização do trabalhador, consequentemente, uma melhora da produtividade.

Insere-se neste contexto a diminuição do índice de acidentes de trabalho, de absenteísmo, da rotatividade do quadro de seus funcionários, de atendimentos ambulatoriais, e de afastamentos são benefícios considerados de suma importância para as empresas.

2) Redução da carga tributária: A Lei nº 8.212/91 prevê o pagamento ao INSS pelas empresas do “Seguro de Acidentes do Trabalho – SAT”.

As alíquotas são de 1, 2 ou 3% sobre o total da remuneração paga ao trabalhador, variando de acordo com a preponderância de risco de acidente de trabalho de cada atividade.

O Decreto nº 6.042/07, que alterou o Regulamento da Previdência Social, criou a possibilidade de redução dessa alíquota em até 50% ou o seu acréscimo até em duas vezes, através do chamado “Fator Acidentário de Prevenção – FAP”.

Quis o Legislador, com isso, estimular investimentos destinados à diminuição dos riscos ambientais no trabalho.

Desta forma, demonstrando a empresa melhoria das condições do trabalho, com redução dos agravos à saúde do trabalhador, obtida através de investimentos em prevenção e em sistemas gerenciais de risco, poderá o Ministério da Previdência e Assistência Social promover seu enquadramento e, por conseqüência, diminuir as alíquotas do FAP em até 50%, ao passo que o inverso poderá causar o agravamento em até 200%.

Vale lembrar que é possível recuperar proporcionalmente ao desconto alcançado o que foi pago ao INSS nos últimos cinco anos.

Benefícios da Fisioterapia Corretiva para a empresa

Redução das horas não trabalhadas por motivo do tratamento visto ser ele realizado na própria empresa; atendimento adequado a cada acometimento, pois, por não possuir fins lucrativos, não há exigência de produção e/ou “massificação” no atendimento; constatação e quantificação estatística; determinação dos acometimentos mais comuns encontrados na empresa conforme o tipo de atividade desempenhada; estabelecimento de protocolos de atendimento adequados às atividades laborativas; redução de gastos com planos de saúde.